Mais de 120 alunos se inscreveram para participar do evento que começou na manhã de sábado, se estendeu pela noite e terminou no dia seguinte com a apresentação dos resultados dos grupos de trabalho. Nos mesmos dias, acontecerem mais 3 grandes eventos na cidade com a mesma dinâmica de trabalho, o II Hackathon da Ordem dos Advogados do Brasil OAB – Seção Paraná, com foco em soluções jurídicas; o Hackathon Bosch Agro, que buscou soluções para os negócio agro e em um formato mais amplo o Reação Urbana, com propostas para revitalização urbana do Rebouças e Prado Velho.

O Hackathon Soluções de Cidadania trouxe para a discussão os seguintes temas: fomento ao uso do transporte público, cidadãos solucionando problemas da cidade, Curitiba se conectando com o mundo, formação para Inovação, formação em cidadania, reforma e manutenção das escolas, envolvimento dos familiares nas escolas, poluição do ar, despoluição dos rios, lixo reciclável, prevenção a doenças, ocupação para terceira idade, Melhoria da alimentação da população, segurança no transporte público, insegurança causada pelo desemprego e a utilização de imóveis e espaços desocupados.

Vale do Pinhão

Das três equipes participantes, a equipe Hackapontos, formada pelos alunos Theo La Pastina Modesto, Tarcísio Zotelli Ferraz, Bruno Mendonça Patinho, Wesley Fonseca Carvalho e Naamah Azevedo Verissimo foi a grande vencedora. A equipe elaborou a proposta de desenvolvimento de um aplicativo para smartphone que possibilita a ligação entre a comunidade e o município, incentivando o exercício da cidadania através de um sistema de pontos e troca de serviços, incentivando a zeladoria urbana e participação social no cuidado com a cidade.