Ricardo Noblat

O presidente Michel Temer desistiu de nomear um novo ministro do Paraná para que não digam que o fez preocupado com uma possível delação do seu ex-assessor Rodrigo Rocha Loures – sim, o homem filmado correndo com uma mala de dinheiro por uma rua de São Paulo.

Com a demissão de Osmar Serraglio (PMDB-PR) e a sua volta à Câmara para completar o mandato de deputado, Rocha Loures, seu suiplente, foi desalojado de lá. Perdeu assim o direito a só ser jujlgado pelo Supremo Tribunal Federal.

Ocorre que o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato, recusou o pedido de Temer para ser investigado em separado de Rocha Loures. O ministro entendeu que os dois agiram juntos. Que sejam, pois, juntos investigados.

Isso restabelece por ora o direito a foro especial que Rocha Loures havia perdido ao deixar a Câmara, mas não o protege contra uma prisão.

(foto: arquivo/google)

link artigo
http://noblat.oglobo.globo.com/meus-textos/noticia/2017/05/temer-desiste-de-nomear-um-novo-ministro-do-parana.html