O Governo do Paraná, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente e a Itaipu Binacional, lançou nesta quarta-feira (7), em Foz do Iguaçu, o Programa Nacional de Formação e Capacitação de Gestores Ambientais (PNC). A iniciativa, que irá abranger cidades de todo o Estado, terá início pelos municípios do Oeste do Paraná, com um treinamento presencial nesta quinta-feira (8), no Refúgio Biológico Bela Vista, da Itaipu.
A solenidade de lançamento contou com a presença do ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, do ministro da Saúde, Ricardo Barros, do governador do Paraná, Beto Richa, da vice-governadora, Cida Borghetti, do diretor-geral brasileiro da Itaipu, Luiz Fernando Vianna, do presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano, do prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, entre outras autoridades.
Ministro Sarney Filho. Para baixar arquivo em alta resolução, clique na imagem. Crédito: Alexandre Marchetti/Itaipu Binacional
Segundo o ministro Sarney Filho, o PNC é um programa de grande importância para o fortalecimento do Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama, que engloba os órgãos ambientais das três esferas de governo). “É uma iniciativa que deverá consolidar a gestão ambiental compartilhada entre órgãos federais, estaduais e municipais. Além disso, é um programa que trabalha com foco em questões específicas, como facilitar o acesso dos municípios a recursos para projetos, e no empoderamento dos órgãos municipais”, explicou o ministro, que enfatizou a necessidade de participação de todos para o enfrentamento das mudanças climáticas.
Beto Richa destacou a preocupação com a questão ambiental em todas as iniciativas do governo estadual e também ressaltou a importância do PNC para uma melhor gestão do meio ambiente. “Precisamos capacitar os gestores para ter um grande exército na defesa da natureza”, disse o governador.
O lançamento do PNC em Foz do Iguaçu aproveita a experiência exitosa da Itaipu em ações coordenadas com os municípios para a gestão de bacias hidrográficas e promoção de ações de educação ambiental, no âmbito do programa Cultivando Água Boa. “Itaipu, a maior geradora de energia limpa do planeta, é o local ideal para o lançamento de uma iniciativa como essa. E essa parceria é só o começo. Nossas ações voltadas à sustentabilidade e ao meio ambiente não só terão continuidade, como serão incrementadas”, afirmou o diretor-geral brasileiro, Luiz Fernando Vianna.
Luiz Fernando Vianna, diretor-geral brasileiro da Itaipu. 
Conforme o secretário de Estado do Meio Ambiente do Paraná, Antonio Carlos Bonetti, para promover o programa de capacitação em todo o Estado, os municípios foram divididos em sete regionais. Após Foz do Iguaçu, também haverá treinamentos presenciais em Curitiba (abrangendo Região Metropolitana e Litoral), Ponta Grossa (região Central), Guarapuava (Centro-Sul), Londrina (Norte Central e Norte Pioneiro), Maringá (Norte Central) e Francisco Beltrão (Sudoeste). Cada município tem direito a duas vagas para seus representantes.
Secretário Antônio Carlos Bonetti.
“A etapa presencial será realizada até setembro. Em seguida, terá início a etapa de capacitação a distância”, afirmou Bonetti, acrescentando que, durante o curso, serão abordados temas relacionados à legislação ambiental, ao funcionamento do Sisnama, licenciamento ambiental, recursos pra projetos, gestão de resíduos sólidos, recursos hídricos, reserva legal, entre outros.