Agora já se sabem os motivos que o vereador Professor Euler, do PSD, é contra o Plano de Recuperação de Curitiba. Depois de acusar a Prefeitura de Curitiba de tentar cooptá-lo, Euler foi desmascarado pelo prefeito Rafael Greca, que afirmou que o vereador tentou emplacar um sistema de aprendizado, criado pela irmã de Euler, na rede pública municipal. Como o produto não foi aceito, Professor Euler teve que admitir que em entrevista que sim buscou vender o produto para o município e que foi rejeitado pelo prefeito. “Apresentamos sim. Existem vários sistemas de ensino no Brasil. Minha irmã tem um sistema de aprendizado. Este sistema de aprendizado poderia dar um belíssimo efeito para Curitiba”, admitiu o vereador em coletiva.

Como insistia em negar, dizendo que não ofereceu nada ao prefeito, Euler foi confrontado pelo chefe de gabinete de Greca, João Alfredo Costa Filho, que afirmou no meio da entrevista que o vereador mentia. Ao ver o vereador acuado, os assessores de Euler, tentaram provocar uma briga como chefe de gabinete de Greca.