O secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, destacou nesta segunda-feira, 7, os resultados obtidos pela equipe da Central Estadual de Transplantes. “O projeto é considerado modelo para todo o país. Prova disso foi à visita que recebemos nesta semana de técnicos da Secretaria de Saúde do Acre que conheceram um pouco mais dos protocolos e ações implantadas no Paraná”, disse.

E completou: “momento importante para trocar experiências e contribuir para que mais vidas sejam salvas”. Somente em julho deste ano o Paraná realizou 50 doações, o maior número até agora já registrado.

“Estamos muito contentes, pois atualmente registramos 37,2 doadores efetivos por milhão de habitantes. Este número é um dos maiores índices nacionais e representa o bom trabalho que estamos realizando”, disse Caputo Neto.

(foto: Sesa)